.

.

18 de dez de 2012

MARIA É A ARCA DA NOVA ALIANÇA!
Veremos que a Bíblia sem dúvida identifica Maria como a Arca do Novo Testamento.
Maria é o novo e maior cumprimento do que estava prefigurado pela Arca do Antigo Testamento. Esta informação é uma das mais importantes e reveladoras sobre o papel profundo de Maria nos planos divinos.
A Arca da Antiga Aliança-Testamento era a coisa mais sagrada e mais poderosa da Terra fora do próprio Deus.
A Arca da Aliança era uma urna (caixa) sagrada, feita de madeira e revestida de ouro, que continha as tábuas dos Dez Mandamentos, um pouco do Maná (pão) que desceu do céu e a vara florida de Aarão (Deuteronômio 10:5) -
 (Hebreus 9,4).
A Arca também realizava e representava a presença espiritual de Deus na Terra e era conduzida em procissão pelo povo de Israel.
Quando Deus falou a Moisés, era de entre os dois querubins que estavam sobre a Arca:
(Números 7:89) "E quando Moisés entrava na tenda para falar com o Senhor, ele ouviu a voz que lhe falava de cima do propiciatório, que estava sobre a arca do testemunho entre os dois querubins".
(Êxodo 25:21-22) "E porás o propiciatório em cima da arca. E aí eu virei a ti, E falarei contigo de cima do propiciatório, de entre os dois querubins que estão sobre a arca do testemunho, de todas as coisas que eu irei te ordenar para os filhos de Israel. "
Vamos agora ver como a Bíblia identifica Maria como a Arca da Nova Aliança:
A Arca da Antiga Aliança - Continha a palavra escrita de Deus (Dt 10:05)
A Virgem Maria continha dentro de si a Palavra de Deus que se fez carne, Jesus (Jo 1:1)
Jesus Cristo é a palavra de Deus que se fez carne. Então, assim como a Arca da Antiga Aliança continha a palavra escrita de Deus-as tábuas da Lei, Maria (que é a Arca da Nova Aliança) continha a Palavra de Deus feito carne-Jesus. (Apocalipse 19,13)
A Arca da Antiga Aliança- Foi "coberta" pelo poder e presença de Deus (Êx.40:34)
A Virgem Maria - Foi "coberta" pelo poder e presença do Altíssimo e sua sombra (Lucas 1:35)

Veremos que a nuvem da glória de Deus ou a presença visível (chamado de "Shekinah") cobriu a Arca.
(Êxodo 40:34-35) "Então a nuvem cobriu a tenda da reunião, e a glória do Senhor enchia o tabernáculo. E Moisés não podia entrar na tenda da reunião, porque a nuvem a cobria, E a glória do Senhor encheu o tabernáculo."
(S.Lucas 1:35) "E o anjo respondeu, e disse-lhe: O Espírito Santo virá sobre ti e o poder do Altíssimo te cobrirá: Portanto, também o santo que há de nascer de ti será chamado Filho de Deus ".
A mesma palavra "episkiasei" (cobria-ofuscava) é usada no grego do Novo Testamento para descrever como a presença de Deus "cobriu" a Virgem Maria. A Bíblia usa esta linguagem única sobre a Arca e sobre Maria.
Josué 3:3-5 "Quando virdes a arca da aliança do Senhor, teu Deus, e os sacerdotes de Levi, no seu transporte, subi para cima também, e segui-os!
Isso revela que Maria, enquanto apenas uma criatura e infinitamente menos do que Deus é a nova Arca!  
Ela tem, assim, uma ligação única com Deus, uma única santidade e poder. Considere as semelhanças incríveis que a Escritura nos dá entre o que aconteceu com a Arca da Antiga Aliança, em (2 Samuel 6) e o que aconteceu com a Virgem Maria, a Arca da Nova Aliança, no capítulo 1 do Evangelho de S.Lucas.
(2 Samuel 6) é a história mais completa da Bíblia sobre a Arca da Antiga Aliança. (Lucas 1) é a história mais completa da Bíblia a respeito da Virgem Maria.
A Arca da Antiga Aliança- (2 Samuel 06:09) "Davi temeu o Senhor naquele dia e disse: Como pode a arca do Senhor venha me visitar?"
A Virgem Maria - (Lucas 1:43) "Isabel disse: E como é que isso acontece comigo, que a mãe do meu Senhor venha me visitar?" - A EVIDÊNCIA surpreendente de 2 Samuel E Lucas que nos assegura que Maria é a Arca da Nova Aliança!
A única diferença entre as duas afirmações é, literalmente, que a palavra "mãe" é usada onde a palavra "Arca" foi usada anteriormente.
A Bíblia está nos dizendo que a mãe do Senhor = a Arca. Isto é confirmado, sem qualquer dúvida histórica.
David deu um pulo diante da arca- (2 Samuel6:16) "Como a arca do Senhor entrava a Cidade de Davi, filha de Saul, Mical olhou pela janela e viu O rei Davi saltando e dançando diante do Senhor... "
O pulo de S.João Batista na presença de Maria- (Lucas 1:41-44) "E aconteceu que, quando Isabel ouviu a saudação de Maria, a criança estremeceu no seu seio E Isabel ficou cheia do Espírito Santo ...  "no momento que o som da tua saudação chegou aos meus ouvidos, a criança no meu ventre saltou de alegria".
David deu um salto diante da Arca, exatamente como a criança pulou no ventre de Isabel diante de Maria (a nova Arca).
A Arca ficou por três meses -(2 Samuel 6:11) "A arca do Senhor permaneceu na casa de Obede por três meses, e o Senhor abençoou Obede-Edom e toda a sua casa. "
Maria (a Arca) ficou por três meses -(Lucas 1:56-57) "Maria ficou com Isabel cerca de três meses e depois voltou para sua casa".
Também se menciona que o Senhor abençoou Obede-Edom e sua casa enquanto a Arca estava presente.
"Bênção" nas Escrituras freqüentemente indica descendência fértil. A este fato, vemos um outro paralelo de Lucas 1 e Maria. Para Lucas 1:57 nos diz que depois que Maria ficou com Isabel, o Senhor abençoou a casa dela com o nascimento de um filho: João Batista!
 O Livro da Revelação (Apocalipse) também indica que Maria é a Arca da Nova Aliança:
(Apocalipse 11:19, 12:1) "E o templo de Deus foi aberto no céu, e foi vista em seu templo a arca do seu testamento: E houve relâmpagos, e vozes, e trovões e um terremoto e grande saraivada... E Apareceu um grande sinal no céu: uma mulher vestida com o sol, a lua debaixo dos seus pés e na cabeça uma coroa de doze estrelas. "
A Bíblia não foi escrita com todos os capítulos ou versículos indicados. Foi só no século 12 que a Bíblia foi dividida em capítulos e versículos.
Portanto, o autor do Apocalipse, São João Apóstolo, escreveu o que começa o capítulo 12 em um fluxo contínuo, imediatamente após o que termina o capítulo 11. No final do capítulo 11, lemos que a arca do testemunho de Jesus / aliança foi vista no céu. O versículo seguinte é Apocalipse 12:1.
Assim, as palavras que terminam o fluxo do capítulo 11 iniciam imediatamente as palavras que começam o capítulo 12, sem qualquer divisão.
Isso significa que a aparência da Arca da aliança de Jesus no final do capítulo 11 - "a arca da sua aliança foi vista no seu templo" (Apocalipse 11:19) - é imediatamente explicada pela visão da "mulher " vestida com o sol que começa o capítulo doze, versículo seguinte (Ap 12:1). Isso indica que "a mulher" vestida de sol, que levavam a Pessoa divina em seu ventre (Virgem Maria), é a Arca do Novo Testamento.

Não pode haver dúvida de que o maná no deserto (Êxodo 16) Jesus prefigura como o Pão da Vida. Jesus faz uma conexão entre os dois, em João capítulo 6. Ele faz referência ao maná no deserto e, em seguida diz que sua carne é o verdadeiro maná do céu.
 Bem, o maná do deserto foi colocado dentro da Arca da Antiga Aliança. Isso prefigura o próprio Jesus Cristo (o verdadeiro maná do Novo Testamento) sendo 'colocado' no ventre de Maria.
Ver também (Hebreus 6:20) (Hebreus 9:11) - veremos que a vara de Aarão colocada dentro da Arca prefigurava Jesus Cristo, o verdadeiro sumo sacerdote, sendo concebido no ventre de Maria (a Arca da Nova Aliança).
Não há absolutamente nenhuma dúvida de que o Novo Testamento indica que Maria é a Arca da Nova Aliança. Essa evidência é inegável.
Como Maria é a Arca da Nova Aliança, isso significa que ela é a coisa mais sagrado na terra DEPOIS DE JESUS CRISTO!
 A Arca estava contida no tabernáculo, no Santo dos Santos. A presença da Arca é o que fez o santo dos santos tão sagrado.
(2 Crônicas 35:3) "Ponde a arca sagrada na casa que Salomão, filho de Davi, rei de Israel fez construir "
Pessoas que, sem respeito, tocaram a arca morreram.
(2 Samuel 6:6-7) "Oza estendeu a mão à arca de Deus, E pegou nela e a ira do Senhor se acendeu contra Oza e feriu-lhe por sua imprudência, ele morreu ali perante a arca de Deus".
Portanto, infeliz daquele que tocar na figura de Maria (nova arca) sem o devido respeito e temor!
Como Maria é a Nova Arca, ela teve que ser santa e criada sem pecado, da mesma forma que a antiga arca era de madeira (matéria frágil) porém revestida de ouro (Maria revestida da Graça Divina)- É interessante que a Arca não só teve de ser coberta de ouro ao redor, mas há também uma referência específica dela ter a "coroa de ouro ao redor. "
Êxodo 25:11 "... E tu farás sobre ela uma coroa de ouro ao redor"
(Prefigurando a Realeza de Maria!)
A anunciação do anjo a Maria incorpora muito bem as imagens da tenda da congregação com Deus no Sinai e do templo de Sião. Assim como a nuvem cobriu o povo de Deus em marcha no deserto (cf. Nm 10:34; Dt 33:12, Sl 91:4) e assim como a mesma nuvem, como um sinal do mistério divino presente no meio de Israel, pairava sobre a Arca da Aliança (cf. Êx 40:35), então agora a sombra do Altíssimo envolve e penetra o tabernáculo da Nova Aliança que é o ventre de Maria (cf. Lc 1:35).
Como a Arca da Antiga Aliança, Maria tem um poder único de intercessão; tem poder impressionante sobre os inimigos de Deus, sobre o diabo e em ajudar o POVO DE DEUS!

A Arca da Antiga Aliança tinha de ser perfeita e santa, porque foi a sede da presença espiritual de Deus único. A santidade de Deus não pode ser manchada pelo contato com o que tinha defeitos. Da mesma forma e, em maior grau, a Virgem Maria, como a Arca nova e portadora de Jesus Cristo, teve de ser criado sem pecado e em estado de perfeição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário